Município Peso da Régua

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

Durante os dias 20, 21 e 22 de julho, decorreu na União de Freguesias de Poiares e Canelas, a IX edição das Jornadas Medievais do Douro.

As portas do templo voltaram a abrir-se para uma autêntica viagem medieval, que evoca a recriação histórica da doação feita por D. Sancho I, em agosto de 1193, de um pedaço de terra a Bonamis e Acompaniado, em Canelas do Douro, após o rei ter passado por esta terra e ter encomendado um Arremedilho (peça de teatro). Toda a recriação contou com a participação da população local, que voltou a surpreender pelo empenho e dedicação que deposita na elevação e preservação da memória deste ato simbólico, que marca a história de Canelas e de Peso da Régua.

A par das várias encenações, não faltaram mostras de diversas artes e ofícios, arruadas de música, danças e jogos da época, saltimbancos e malabaristas, animação e teatro de rua, passeios com animais e, ainda, mostras de armas e espetáculos de fogo. O momento mais alto desta iniciativa ocorreu no domingo, 22 de julho, com o Cortejo Histórico e a recriação do Arremedilho, a justificarem o motivo pela qual Canelas é conhecida como o berço do teatro em Portugal.

Como já vem sendo habitual, milhares de pessoas acolhem a Canelas nesta época do ano, para saudarem o rei D. Sancho I e desfrutarem do melhor que esta iniciativa tem para oferecer.

As Jornadas Medievais do Douro são uma organização conjunta da Associação Bonamis e Acompaniado, da União das Freguesias de Poiares e Canelas e do Município do Peso da Régua, evidenciando a capacidade local em organizar uma iniciativa diferenciadora no coração da região do Alto Douro Vinhateiro.