Município Peso da Régua

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

Notícias recentes

De Peso da Régua para o Mundo
 
Decorreu de 30 de maio a 1 de junho, no Pavilhão Multiusos Municipal António Saraiva, em Peso da Régua, a oitava edição da Festa do Vinho – In Douro Wine Export Business. O certame foi promovido pela NERVIR, com o apoio dos municípios do Peso da Régua, Vila Real e Lamego, no âmbito da Douro Alliance – Eixo Urbano do Douro
A cerimónia de abertura contou com a presença de Nuno Gonçalves, Presidente do Município do Peso da Régua; Francisco Lopes, Presidente do Município de Lamego; Manuel Martins, Presidente do Município de Vila Real e Luís Tão, Presidente da Direção da NERVIR.
Nuno Gonçalves, Presidente do Município do Peso da Régua, foi distinguido pela Liga dos Bombeiros Portugueses com a Medalha de Serviços Distintos Grau Ouro, pelo inexcedível apoio à organização do 41.º Congresso Nacional da Liga dos Bombeiros Portugueses, realizado em outubro de 2011. A cerimónia decorreu no passado domingo, em Fátima, no âmbito das comemorações do Dia do Bombeiro Português.
 
A Medalha de Serviços Distintos Grau Ouro, proposta pela Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários do Peso da Régua, distingue, num sentido mais lato, o contributo dado à Associação para que disponha de condições que garantam a eficácia do Corpo Ativo.

Continuar...

05 de fevereiro de 2013
Câmara da Régua quer reabrir termas das Caldas do Moledo
Executivo municipal aguarda luz verde da Entidade Regional Turismo do Douro

Desde junho de 2011, a estância termal das Caldas do Moledo não abre ao público, penalizando, gravemente, os utentes e, por conseguinte, uma região que continua a ser fustigada por contínuos encerramentos de serviços. Esta situação acontece depois de cem anos de atividade continuada.
Diante de uma situação que se arrasta no tempo, com graves prejuízos para todos os que beneficiam do serviço prestado pela estância termal, o Município do Peso da Régua manifestou junto da Entidade Regional de Turismo do Douro disponibilidade para assegurar condições à reabertura dos serviços em maio/junho de 2013.

Continuar...

Abordagem multidisciplinar da agricultura

“Agricultura é ou não uma alternativa para os Jovens no Douro” foi o tema da primeira conferência inserida no ciclo subordinado ao tema geral Visões jovens para agarrar o futuro no Douro. A iniciativa decorreu a 31 de janeiro, na Biblioteca Municipal do Peso da Régua.

A conferência teve como oradores Sandra Luis, da APAVD; João Almeida, Diretor da Cibinho de Ouro e Rui Dias, Presidente da Cooperativa Agrícola dos Olivicultores de Murça. Dezenas de pessoas, maioritariamente jovens, marcaram presença, tendo, em conjunto, debatido uma estratégia que pode favorecer o desenvolvimento da economia, não apenas numa perspetiva local/regional, mas também nacional.

Continuar...

Município reguense aposta na fruição da ribeirinha

Está em curso a ecopista do Douro e a reabilitação dos espaços verdes ribeirinhos. Mais duas intervenções levadas a cabo no âmbito do programa de regeneração urbana Frente Douro.
Com a conclusão prevista para março deste ano, representarão um investimento na ordem de 500 mil euros.
A ecopista do Douro permitirá desfrutar em pleno da ribeirinha, uma zona de excelência da cidade e, consequentemente, fortalecer a relação dos cidadãos com o rio Douro.

Continuar...

Numa organização conjunta do Município do Peso da Régua e do Grupo de Cantares "Os Rabelos do Douro", realizou-se a 12 de janeiro, na Igreja Matriz, o X Encontro de Janeiras. Esta é uma tradição secular que, no interior de Portugal e, por conseguinte, no Douro e em Peso da Régua é vivida com fervor. Dezenas de pessoas juntaram-se e cantaram em uníssono, saudando o novo ano.

No X Encontro de Janeiras participaram os grupos de cantares de Fornelos; Aguavelames; Carrazeda de Ansiães; Pedra Moura e Os Rabelos do Douro. Os cânticos simples trouxeram alegria.

Continuar...

Mais uma conquista para os reguenses

Peso da Régua tem em curso uma intervenção urbanística exemplar.
No âmbito da mesma, foi assinado o auto de consignação do Auditório Municipal. Mais um equipamento de identidade forte para os reguenses que será concretizado. Mais um ponto de consolidação do desenvolvimento da cidade e do concelho.
O Auditório Municipal irá reconverter e potenciar a Alameda dos Capitães, transformando-a numa alameda cultural.

Continuar...